ATÉ HOJE JÁ TIVEMOS MAIS DE 400 MIL CONTATOS

quarta-feira, 26 de fevereiro de 2014

MAIS UM CARNAVAL... JÁ DIZIA EDSON CONCEIÇÃO

Não deixe o samba morrer, não deixe o samba acabar”. Com estes versos, Edson Conceição, o extraordinário compositor baiano, conclamava o Brasil todo a enfrentar esta situação de perigo que ele sentia de relação ao nosso samba. Alcione gravou a música e a mesma se tornou um ícone do nosso cancioneiro.

Edson

“Mais um carnaval” dizia ainda Edson. Sim!  Está começando hoje mais um carnaval brasileiro com toda a sua beleza e força e o samba estará presente (vivo) como queria o grande compositor, principalmente na Marquês de Sapucaí e Anhembi, onde desfilam as grandes escolas de samba do Brasil.

Alcione

Na Bahia, na verdade não há samba no Carnaval. Os Trios Elétricos foram feitos para outro tipo de música: marchas e frevos, cada vez mais apressados ao gosto do povo, mesmo na época de Edson.

Parece que era isto que ele temia quando desfilava pelas Muquiranas, longe dos Trios Elétricos. 

As Muquiranas

Certa feita o bloco descia a Ladeira de São Bento e Edson quando nos viu saiu correndo para nos dá um abraço. Ele tinha sido nosso nadador ao tempo de garoto em Itapagipe.  Sim, isto mesmo, fomos professor de natação e Edson foi um de nossos nadadores, aliás, um grande nadador. Fez diversas travessias, inclusive a Mar Grande-Salvador.

Foi nesse contexto que Edson entrou na música. Quando viajou para São Paulo foi ser professor de natação dos filhos de Moacir Franco. Praticamente, estava entrando no seio da música. Daí surgiu a preocupação de não deixar o “samba morrer”.

Nenhum comentário:

Postar um comentário