ATÉ HOJE JÁ TIVEMOS MAIS DE 400 MIL CONTATOS

domingo, 23 de fevereiro de 2014

ESTÃO DERRETENDO BRONZE DE NOSSAS ESTÁTUAS E COBRE DE NOSSOS FIOS ELÉTRICOS

Outro dia li uma postagem da autoria do excelente senhor Bartolo Sarnelli, lamentando o sumiço da estátua do Almirante Tamandaré no antigo Largo do Farol, hoje reformado.

Aliás, quando as obras se iniciaram, já o busto não se achava mais no lugar. Restava apenas o pedestal. Logo, as empresas contratadas pela Prefeitura para a reforma, nada tem a haver com o desaparecimento do mesmo. 

Pedestal já sem o busto

Pedestal ainda com o busto

1.    E por qual  razão o busto foi roubado? Simplesmente para ser derretido e se transformar em sucata, ou seja, passível de reciclagem na indústria que trabalha com bronze:
Medalhas, por exemplo

Ou lustres...

Nesse sentido há de se lembrar da estátua em bronze do Rei Pelé na entrada da antiga Fonte Nova. Roubaram os braços e com ele também foi a réplica da Taça Julis Rimet .
 O Rei
Sem os braços e a taça
Isso nos faz lembrar dos antigos gradis com terminais em ponta de lança que eram feitos em chumbo. Todos foram danificados (roubados), inclusive os do adro da Igreja do Senhor do Bonfim.
Antigo gradil
Hoje a coisa é assim:
Com arame farpado e eletrificado

Mas hoje eles querem um metal mais nobre. Partiram para o cobre e estão se servindo da fiação elétrica das cidades e campos.

Cobre

E sabem eles estão derretendo o metal em Itapagipe? No mar em pleno dia para não chamar a atenção. Em lata de gaz vazia acendem uma fogueira com gravetos e derretem o metal. O local: Coroa do Poço a 300 metros da praia.

Coroa do Poço




C





.
.  



Nenhum comentário:

Postar um comentário