ATÉ HOJE JÁ TIVEMOS MAIS DE 400 MIL CONTATOS

quarta-feira, 7 de novembro de 2012

MEU BAIRRO QUERIDO - SANTO ANTONIO (3)


Já fizemos duas postagens sobre o bairro de Santo Antônio; essa é a terceira. Como os senhores sabem, estamos usando o novo sistema do Google que retrata as cidades rua por rua. Se antes fizemos a história de cada bairro, agora estamos caminhando pelos seus espaços o que dará aos leitores uma melhor ideia de cada localidade. Quem nunca esteve em Santo Antônio, agora sabe como ele é. Nós próprios não tínhamos a noção exata de sua extensão.
Mapa do bairro de Santo Antônio

Um dos aspectos que nos chamou a atenção foi a ordenação de determinadas ruas no que diz respeito aos imóveis de cada uma delas. Por exemplo, na Rua Direita de Santo Antônio, já retratada, todos os imóveis do lado da escarpa do morro têm um determinado padrão de altura e de qualidade. Não se vê, por exemplo, uma fileira de boas casas e no meio uma “qualquer”, baixinha e pobre.
Determinada simetria

Isto nos levou a quase certeza de que, àquele tempo, havia um plano diretor da cidade e era respeitado. Não se construía “adoidado” como se vê hoje em dia em determinados bairros. Na própria Barra há um exemplo marcante.  Junto ao prédio Oceania, de 10 andares, vê-se uma série de imóveis de baixa altura.  Mas não é que os imóveis de baixa altura tenham sido construídos depois do Oceania. Este veio muito tempo depois.


 
Ed. Oceania e prédios à direita (baixinhos)
 
O Ed. Portela ao lado é o que mais sofre - É brimcadeira
 
A simetria dos prédios da Ladeira do Taboão
 

Chocante!

Outra simetria famosa - Pelourinho
 
Imagina se neste largo, um dos prédios fosse baixinho! Não haveria tanto turista.
Outra coisa percebida em Santo Antônio, também dentro de uma determinada ordem. As ruas periféricas abrigam as construções de menor porte.
Rua dos Adobes
 
 
Rua dos Carvões
 
Rua do Baluarte
 
Convento dos Perdões
 
Túnel Américo Simas - Passa por baixo de Santo Antônio
 
 


Nenhum comentário:

Postar um comentário