ATÉ HOJE JÁ TIVEMOS MAIS DE 400 MIL CONTATOS

sexta-feira, 23 de novembro de 2012

SUMIRAM O XAREU E OS BUDIÕES


Em um trabalho à parte que denominamos Meu Bairro Querido, falávamos sobre a pesca do xaréu nas praias de Amaralina e Armação.  Em termos de volume era a maior do Brasil e, possivelmente, de toda a América do Sul.  A cada puxada de rede eram centenas de xaréus apreendidos.
De uma hora para outra, o peixe sumiu e acabaram  as tradicionais e folclóricas puxadas que atraiam curiosos de todas as partes.
O que teria acontecido?
Alguns explicam que a ausência dos peixes deu-se em razão da luminosidade da cidade; outros, ao barulho que ela passou a causar.
A verdade, contudo, está na poluição que o mar sofreu nos últimos anos e poluição das brabas. Ao longo de toda a  faixa litorânea que vai de Itapoã até Amaralina, o fundo do mar está amarelo. Sim, amarelo.
Trata-se de resíduos químicos expelidos pelas indústrias do Polo Petroquímico da Bahia que se instalaram ao longo do litoral norte.  Estes resíduos são trazidos pelas correntezas.
E não foi somente o xaréu que desapareceu dessa área. Outros peixes também sumiram como os budiões batata e azul que eram uma festa para os mergulhadores de plantão.
Xaréu
Budião Azul

Budião Batata

Nenhum comentário:

Postar um comentário