ATÉ HOJE JÁ TIVEMOS MAIS DE 400 MIL CONTATOS

terça-feira, 1 de dezembro de 2009

ATERROS DO COMÉRCIO

Quem conhece o Comércio nos dias de hoje, pode se surpreender ao saber que antigamente, o mar chegava à porta onde é hoje, por exemplo, o Plano Gonçalves e imediações. Prova disso tivemos alguns anos atrás, quando uma tubulação de água ou esgoto estourou bem em frente ao referido elevador. Fizeram um buraco de cerca de 5 metros de profundidade. Logo após a camada de asfalto, só havia areia e entre seus grãos vestígios de conchas e mais conchas.

Representação - O mar chegando às bordas do morro
 
A partir de 1777 com extensão até 1801; desse último ano até 1860 e daí até 1894, iniciaram-se diversos aterros no Comércio, culminando com o da construção do Porto de Salvador.

Aterro do Porto de Salvador – 1894/1912


Comércio

Antes já se fizeram outros aterros, inclusive nesta parte, permitindo a construção desse aglomerado de prédios (quatro quadras sendo que a última compreende aos prédios em estilo pombalino junto ao Cais das Amarras).

Cais das Amarras - Belíssimo!
Prédios em estilo pombalino – Última quadra da referência acima

Nenhum comentário:

Postar um comentário